Tem portes grátis na sua próxima encomenda! Vai aproveitar?

Coco – uma fruta divinal

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp

O coqueiro é frequentemente referido como a “árvore do céu” devido à sua altura e, claro, ao belo ambiente em que cresce. Os coqueiros são cultivados há mais de 3.000 anos, e hoje em dia fornecem cerca de 8% da procura global de óleo vegetal.
Claro que o uso do coqueiro vai muito além da extração do seu óleo – espantosamente, esta árvore é um recurso para múltiplas necessidades da indústria e dos consumidores.
O domínio do seu uso varia desde um ingrediente para uma grande variedade de alimentos e bebidas até material de construção.
Por exemplo, madeira de palma e fetos servem como materiais de construção para cabanas; as fibras podem ser transformadas em paredes de casas, cestos ou tapetes; e as cascas secas de coco podem ser usadas como combustível. Claramente, as opções são abundantes.

Quais os principais benefícios?

Podemos, portanto, referirmo-nos ao coco, a fruta do coqueiro, como uma fruta divinal. É sem dúvida um dos alimentos mais nutritivos para a nossa saúde. Em suas mais diversas formas e composições, a fruta possui um arsenal de substâncias essenciais para o bom funcionamento do organismo.
Entre os muitos benefícios destaca-se:

  • Ajudar a perder peso, pois é baixo em hidratos de carbono e alto em fibra, o que aumenta a saciedade;
  • Melhorar a função intestinal, pois é rico em fibra;
  • Atuar como antioxidante e previne doenças, pois é rico em vitaminas A, C e E;
  • Reforçar o sistema imunitário, uma vez que contém ácido láurico, que previne a proliferação de fungos, vírus e bactérias;
  • Repor minerais que se perdem durante a atividade física, pois contém zinco, potássio, selénio, cobre e magnésio.

A gordura que ajuda a perder peso

Todas as partes dos coqueiros e dos cocos podem ser usadas. No âmbito da saúde, na i2 damos muito valor ao coco. Destacamos neste artigo o óleo de coco e o açúcar de coco.
O óleo de coco é produzido cortando e secando a “copra” (a carne seca) do coco, que é depois prensada num moinho de óleo.
Entre os benefícios diretos indicamos o fortalecimento do sistema imunitário, ajuda à função da tiroide, melhorar o humor e a queima de gordura.
Como é que uma gordura incentiva à perda de peso? O óleo de coco é uma rica fonte de triglicéridos de cadeia média (MCTs), um tipo de gordura saturada. Estudos têm mostrado que o consumo de MCTs pode aumentar o número de calorias que o teu corpo queima. Ao fazer isso, promovemos a perda de peso.
Além disso, tem uma poderosa capacidade hidratante quando aplicado na pele ou no cabelo, razão pela qual é um ingrediente básico de vários produtos de beleza, tais como loções e cremes.
Na preparação dos alimentos, o óleo de coco é a melhor alternativa porque é muito estável e não altera a sua estrutura química quando exposta a altas temperaturas, permanecendo saudável durante a cozedura.

Óleo de Coco Bio, Extra Virgem 500ml

7,95€

Açucar de Coco – Biológico 500g

4,80€

1 colher de sopa (11g) fornece:
99 kcal / 407 kj
11g de gordura
9.5g de gordura saturada
0.7g de gordura mono-insaturada
0.2g de gordura polinsaturada

O açúcar saudável?

O açúcar de coco, por vezes chamado açúcar de coqueiro, provém da seiva do coqueiro – não dos cocos.
O açúcar de coco retém muitos nutrientes encontrados no coqueiro – principalmente ferro, zinco, cálcio e potássio.
Estes nutrientes podem suportar o corpo de inúmeras maneiras, mas o açúcar de coco não contém o suficiente deles por porção para oferecer um benefício mensurável.
Ainda assim, existem potenciais benefícios para a saúde. Especialmente em comparação com outros açucares ou adoçantes.
Por exemplo, pode prevenir o baixo nível de açúcar no sangue. O corpo depende da glicose para obter energia. O açúcar de coco pode ajudar a aumentar os níveis de glicose no sangue e prevenir condições como baixo açúcar no sangue, ou hipoglicemia.
Mais, o açúcar de coco também contém a inulina de fibra solúvel, que está ligada a um menor risco de picos de açúcar no sangue. Podemos dizer que é um açúcar que ajuda a controlar “os açucares”.

Faça um comentário agora.