nozes_brasil_ricas_em_selenio_mineral

Porquê suplementar a sua dieta com selénio da i2 Nutrition?

Embora possa nunca ter ouvido falar de selénio, este incrível nutriente é vital para a sua saúde.

O selénio é um mineral essencial, o que significa que deve ser obtido através da sua dieta ou suplementação alimentar.

É apenas necessário em pequenas quantidades mas desempenha um papel importante em processos importantes no seu corpo, incluindo o metabolismo e a função da tiróide.

Neste artigo mostramos-lhe os principais benefícios do selénio para a sua saúde , todos comprovados pela ciência.

Actua como um poderoso antioxidante

Os antioxidantes são compostos presentes nos alimentos que previnem os danos celulares causados pelos radicais livres.

Os radicais livres são subprodutos normais de processos como o metabolismo que se formam diariamente no seu corpo.

Frequentemente, os radicais livres são prejudiciais, mas são inescusáveis. Eles desempenham funções importantes, incluindo a protecção do seu corpo contra doenças.

No entanto, hábitos como o fumar, o consumo de álcool e o stress podem causar um excesso de radicais livres. Isto leva ao stress oxidativo, que danifica as células saudáveis.

O stress oxidativo tem estado ligado a condições crónicas como doenças cardíacas, Alzheimer e cancro, bem como ao envelhecimento prematuro e ao risco de AVC (2, 3, 4, 5, 6).

Suplementos formulados com selénio ajudam a reduzir o stress oxidativo, mantendo o número de radicais livres sob controlo (7).

O selénio ajuda a reduzir o stress oxidativo, mantendo o número de radicais livres sob controlo (1).

Pode reduzir o risco do cancro

Para além de diminuir o stress oxidativo, o selénio pode ajudar a diminuir o risco de determinados cancros.

Isto tem sido atribuído à capacidade do selénio de reduzir os danos no ADN e o stress oxidativo, estimular o seu sistema imunitário e destruir as células cancerígenas (8).

Uma análise de 69 estudos que incluíram mais de 350.000 pessoas constatou que ter um nível sanguíneo elevado de selénio estava associado a um menor risco de certos tipos de cancro, incluindo cancro da mama, pulmão, cólon e próstata (9).

É importante notar que este efeito só estava associado ao selénio obtido através dos alimentos e não dos suplementos.

No entanto, algumas investigações sugerem que a suplementação com selénio pode reduzir os efeitos secundários em pessoas submetidas a radioterapia.

Por exemplo, um estudo descobriu que os suplementos de selénio oral melhoraram a qualidade de vida global e reduziram a diarreia induzida pela radiação em mulheres com cancro do colo do útero e do colo do útero (10).

Pode proteger contra doenças cardíacas.

Uma dieta rica em selénio pode ajudar a manter o coração saudável, uma vez que baixos níveis de selénio foram associados a um risco acrescido de doenças cardíacas.

Numa análise de 25 estudos observacionais, um aumento de 50% nos níveis de selénio no sangue foi associado a uma redução de 24% no risco de doenças cardíacas (11).

O selénio também pode diminuir os marcadores de inflamação no organismo – um dos principais factores de risco de doenças cardíacas.

Por exemplo, uma revisão de 16 estudos controlados, incluindo mais de 433.000 pessoas com doenças cardíacas, mostrou que a toma de suplementos de selénio diminuiu os níveis do marcador inflamatório proteína C-reactiva (PCR).

Além disso, aumentou os níveis de glutatião peroxidase, um potente antioxidante (12).

Isto indica que o selénio pode ajudar a diminuir o risco de doenças cardíacas, reduzindo a inflamação e o stress oxidativo no seu organismo. O stress oxidativo e a inflamação têm estado ligados à aterosclerose, ou à acumulação de placa nas artérias.

A aterosclerose pode levar a problemas de saúde perigosos como derrames, ataques cardíacos e doenças cardíacas (13).

A incorporação de alimentos ricos em selénio na sua dieta é uma excelente forma de manter os níveis de stress oxidativo e inflamação a um nível mínimo.

Ajuda a prevenir o declínio mental


A doença de Alzheimer é uma condição devastadora que causa perda de memória e afecta negativamente o pensamento e o comportamento. É a sexta principal causa de morte nos Estados Unidos.

O número de pessoas com a doença de Alzheimer está a aumentar. Por conseguinte, é imperativo encontrar formas de prevenir esta doença degenerativa.

Acredita-se que o stress oxidativo esteja envolvido tanto no aparecimento como na progressão de doenças neurológicas como Parkinson, esclerose múltipla e Alzheimer (14).

Vários estudos demonstraram que os pacientes com doença de Alzheimer têm níveis sanguíneos mais baixos de selénio (15, 16).

Além disso, alguns estudos revelaram que os antioxidantes tanto nos alimentos como nos suplementos podem melhorar a memória dos pacientes com Alzheimer (17).

Um pequeno estudo descobriu que o suplemento com uma castanha do Brasil rica em selénio por dia melhorava a fluência verbal e outras funções mentais em pacientes com uma ligeira deficiência cognitiva (18).

Além disso, a dieta mediterrânica, rica em alimentos ricos em selénio como frutos do mar e nozes, tem sido associada a um menor risco de desenvolvimento da doença de Alzheimer (19, 20).

É importante para a saúde da tiróide


O selénio é importante para o bom funcionamento da sua glândula tiróide. De facto, o tecido da tiróide contém uma maior quantidade de selénio do que qualquer outro órgão do corpo humano (21).

Este poderoso mineral ajuda a proteger a tiróide contra os danos oxidativos e desempenha um papel essencial na produção das hormonas da tiróide.

Uma glândula tiróide saudável é importante, pois regula o seu metabolismo e controla o crescimento e desenvolvimento (22).

A deficiência de selénio tem sido associada a condições da tiróide como a tireoidite de Hashimoto, um tipo de hipotiroidismo em que o sistema imunitário ataca a glândula tiróide.

Um estudo observacional que incluiu mais de 6.000 pessoas constatou que níveis baixos de selénio no soro estavam associados a um risco acrescido de tiroidite auto-imune e hipotiroidismo (23).

Além disso, alguns estudos demonstraram que os suplementos de selénio podem beneficiar as pessoas com a doença de Hashimoto.

Uma revisão concluiu que a toma diária de suplementos de selénio durante três meses resultou numa diminuição dos anticorpos da tiróide. Também conduziu a melhorias no humor e bem-estar geral das pessoas com a doença de Hashimoto (24).

No entanto, é necessária mais investigação antes de se poderem recomendar suplementos de selénio para as pessoas que sofrem da doença de Hashimoto.

Reforça o seu sistema imunitário


O seu sistema imunitário mantém o seu corpo saudável, identificando e combatendo potenciais ameaças. Estas incluem bactérias, vírus e parasitas.

O selénio desempenha um papel importante na saúde do seu sistema imunitário. Este antioxidante ajuda a diminuir o stress oxidativo no seu corpo, o que reduz a inflamação e aumenta a imunidade.

Estudos demonstraram que o aumento dos níveis sanguíneos de selénio estão associados ao aumento da resposta imunitária.

Por outro lado, foi demonstrado que a deficiência prejudica o funcionamento das células imunitárias e pode levar a uma resposta imunitária mais lenta (25).

Os estudos também associaram a deficiência a um aumento do risco de morte e de progressão da doença em pessoas com VIH, tendo-se demonstrado que os suplementos levam a menos hospitalizações e a uma melhoria dos sintomas para estes pacientes (26).

Além disso, os suplementos de selénio podem ajudar a reforçar o sistema imunitário das pessoas com gripe, tuberculose e hepatite C (27).

Pode ajudar a fortalecer a saude do seu sistema respiratório


A asma é uma doença crónica que afecta as vias respiratórias que transportam o ar dentro e fora dos pulmões

Estas vias respiratórias inflamam-se e começam a estreitar, causando sintomas como sibilância, falta de ar, aperto no peito e tosse (28).

A asma tem sido associada ao aumento dos níveis de stress oxidativo e inflamação no corpo (29).

Devido à capacidade do selénio em reduzir a inflamação, alguns estudos sugerem que este mineral pode ajudar a reduzir os sintomas relacionados com a asma.

A investigação sugere que as pessoas que sofrem de asma têm níveis sanguíneos de selénio mais baixos.

De facto, um estudo mostrou que pacientes asmáticos com níveis mais elevados de selénio no sangue tinham uma melhor função pulmonar do que aqueles com níveis mais baixos (30).

Os suplementos de selénio também podem ajudar a reduzir os sintomas relacionados com a asma.

Por exemplo, um estudo descobriu que dar às pessoas com asma 200 mcg de selénio por dia reduziu o uso dos medicamentos corticosteróides utilizados para controlar os seus sintomas (31).

Contudo, a investigação nesta área é conflituosa, sendo necessários estudos mais abrangentes para compreender plenamente o papel do selénio no desenvolvimento e tratamento da asma (32).

A nossa conclusão

O selénio é um mineral poderoso que é essencial para o bom funcionamento do seu corpo.

Desempenha um papel fundamental no metabolismo e no funcionamento da tiróide e ajuda a proteger o seu corpo dos danos causados pelo stress oxidativo.

Além disso, o selénio pode ajudar a reforçar o seu sistema imunitário, retardar o declínio mental relacionado com a idade e até reduzir o risco de doenças cardíacas.

Este micronutriente pode ser encontrado numa grande variedade de alimentos, desde ostras a cogumelos e nozes do Brasil.

Adicionar mais alimentos ricos em selénio à sua dieta é uma excelente forma de manter uma boa saúde.

Suplemento Recomendado

Fontes i2

A i2 Nutrition destingue-se por corroborar toda a informação que disponibilizamos aos visitantes do nosso website, as fontes ciêntificas fidedignas utilizadas neste artigo são:

1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19, 20, 21, 22, 23, 24, 25, 26, 27, 28, 29, 30, 31, 32

Artigo original Healthline.

Quer acrescentar algo a este artigo? Escrever para a i2? Envie-nos um email através do nosso formulário de contacto.

Partilhe este artigo

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Faça um comentário